Descomplicando processos contábeis durante a pandemia – o que fazer?

Em nosso último post, falamos sobre a contabilidade consultiva e como deve se dar a adaptação do contador a essa realidade mais estratégica e decisiva. Um dos pontos recorrentes do texto se referia à necessidade em descomplicar processos contábeis.

Indo um pouco mais a fundo nesse tema, chegamos a algumas conclusões que podem ser a resposta para você, contador, descomplicar os processos do seu negócio, gerando mais produtividade e abrindo espaços para alcançar novas e lucrativas oportunidades. Vamos aprender?

Por que descomplicar processos contábeis?

  • Para vender mais?
  • Para melhorar sua prestação de serviços?
  • Para tornar-se um contador consultor?

Caso você tenha pensado em uma destas 3 respostas, todas elas cobrem uma parte da verdade.

Se tem um problema com a contabilidade, é a visão que os clientes dos contadores têm sobre a prestação de serviços. Muitos enxergam a contabilidade como algo complexo e oneroso e, até certo ponto, realmente existe uma grande complexidade. Mas, é preciso deixar bem claro que as questões mais complexas são de responsabilidade do contador, e não do cliente em si.

Para o cliente enxergar o contador como um parceiro estratégico, ele precisa visualizar a contabilidade como uma ferramenta para:

  • Ter conformidade;
  • Obter segurança;
  • Alcançar o equilíbrio.

Estes 3 pontos devem servir como pilares em toda sua comunicação, algo que trataremos mais a fundo nos próximos posts, mas que também servem de princípio para os processos descomplicados.

O cliente não quer saber o quão complexo é o seu trabalho. Normalmente, ele quer que você cumpra o que prometeu. Para ele, importa o reflexo da contabilidade no dia a dia. E, por mais que seja difícil, os contadores submetem-se a essa realidade todos os dias.

O contador atua nas sombras para garantir que seus clientes encontrem a luz.

Para mudar isso, é preciso encontrar foco e pautar sua prestação de serviços na orientação e na parceria.

A contabilidade durante a pandemia

Quando você se perguntar sobre como descomplicar processos, saiba que a resposta é: encontrar seu foco.

Vale destacar que o papel da contabilidade durante a pandemia pode e precisa ir além da prestação de serviços tradicionais. Cumprir com as obrigações é algo que todo contador irá fazer, independentemente dos preços cobrados.

Diante disso, é preciso justificar o preço da sua contabilidade. Como motivar um cliente a continuar te pagando mensalmente, mesmo diante de uma crise sem precedentes?

A resposta está em oferecer serviços cada vez melhores e mais valiosos. Corresponder às expectativas e, se possível, superá-las. Como você irá superá-las depende das particularidades do seu negócio, dos seus objetivos e da sua visão.

Agora que você já captou um pouco dessa visão, cabe perguntar: qual será o seu foco?

  • Será uma questão de eficiência?
  • De consultoria?
  • De oferecer serviços específicos?
  • Ou tudo isso junto?

Adaptando toda essa visão ao dia a dia no trabalho

É preciso capturar a essência dos 3 pilares já mencionados e levá-los ao dia a dia do escritório. O que é preciso fazer para entregá-los na prestação de serviços?

Muitas empresas, não apenas as contábeis, sofrem quando precisam desenhar processos. É difícil prever os problemas e se prevenir contra riscos, mas é algo que deve ser feito. Quem deseja adotar uma abordagem mais consultiva precisa “organizar a casa” para atender a estes três propósitos e pautar sua prestação de serviços durante a pandemia.

Está tudo bem, você pode buscar ajuda!

Talvez, seja o momento da sua contabilidade procurar o apoio de um especialista em processos. Alguém que te ajude a organizar as coisas e facilite sua prestação de serviços, reduzindo seus custos operacionais e permitindo que mais recursos sejam dedicados a questões estratégicas.

Ou, então, é hora de você reunir as pessoas mais capazes e experientes do seu escritório, discutir como o trabalho é realizado, identificar gargalos e trabalhar em soluções graduais para a sua resolução. Problemas não são resolvidos da noite para o dia, e sequer surgem de maneira inesperada ou instantânea. Por isso, é preciso observar, testar e melhorar sempre.

Você não se tornará um contador consultor de uma hora para outra. Seus problemas em relação a eficiência e processos não serão resolvidos imediatamente. Mas, com esse esforço, a definição do foco dos seus serviços e o respeito aos 3 pilares mencionados, é possível conquistar bons resultados a médio prazo.

Sistemas contábeis e de gestão também podem te ajudar!

Outro ponto a ser observado é a eficiência dos sistemas que você já utiliza. Alguns gargalos nos processos operacionais podem ser resolvidos com a adoção de sistemas próprios para o seu negócio, que levam em consideração as necessidades contábeis mais comuns e dificuldades rotineiras de escritórios contábeis. Investir na automatização de certos processos possibilita economizar recursos e direcioná-los a tarefas mais estratégicas.

De repente, é justamente essa economia de recursos que está faltando para você conseguir desenhar processos de forma fluida e descomplicada. Pode ser uma questão de tempo, de reunir as pessoas certas, de conseguir ouvir e sentir as dores do negócio. Mas, você só descobrirá isso se tentar!